TRANSCENDÊNCIA.

Minha foto
Meu nome completo é Ivone Henriques Sato, sou casada e feliz por ter encontrado o amor em minha Vida com "V" MAIÚSCULO,como costumo dizer e escrever, aqui deixo meus pareceres sobre a Vida, minha linda e amada Vida que ganhei de presente. Sim, de presente, viver é mesmo um lindo presente, portanto agradeço imensamente, principalmente aos meus familiares queridos, meu casal de filhos, casados, felizes, meus netos amados, dois lindos casais, hoje estão ficando adolescentes, eu, ah, sou uma sexagenária feliz da vida!!!

segunda-feira, 28 de agosto de 2017

"Sentir a Vida" um texto cujo título só foi sugerido, a minha amiga Dorli desenvolveu e ficou assim:

"-Aqui só, sentada nessa cadeira não me entristeço, pois a vida me foi camarada. Moro numa casa enorme  cheia de crianças, é o orfanato que meu companheiro comprou cinco meses antes de morrer.
Não tive filhos, mas adotei duas meninas lindas para que eu pudesse sentir a vida quando ficasse sozinha. As duas se casaram e tiveram dois filhos cada. São lindos, estudiosos e antes de ir  à escola os quatros vêm me abraçar e beijar. Hoje, todos moram comigo.
Aqui onde estou sentada é o único lugar tranquilo que achei no orfanato para namorar meu falecido, não estou louca não, pois aqui sinto o seu cheiro e sinto a vida mais tranquila. 
Às vezes me chateio de cá ficar vou junto as crianças que me chamam de vó, "puxa vida", como é bom ter a companhia delas.
Sentir a vida é viver o hoje com a tempestuosidade dessas maravilhosas crianças sentadas ao meu redor pedindo que eu conte lindas histórias e conto. Agora com mais tempo ouço o cantar dos passarinhos que fazem ninhos nas enormes árvores.
Nesse orfanato tem de tudo: professores bem pagos e todos os serviçais.
Adoro quando vejo aquelas crianças se jogando do trampolim sempre monitoradas por dois professores e elas gritam: vem vó nadar...Eu rio a ingenuidade, não que não saiba, mas recordo quando a noite eu nadava com meu amor e ele sempre me dizia: você é minha vida e nos abraçávamos e namorávamos um pouquinho.
Bem, está na hora de me banhar numa enorme banheira com águas sulfurosas, depois de me vestir vou a uma grande sala tomar uma gostosa sopinha, conversar na varanda com filhas, genros e mais tarde  adentrar meu quarto, agradecer a Deus a vida feliz que me deu."

Esta postagem é para a minha amiga do coração Ivone
Se quiser postar no seu blog fique a vontade
Obrigada
Dorli