TRANSCENDÊNCIA.

Minha foto
Meu nome completo é Ivone Henriques Sato, sou casada e feliz por ter encontrado o amor em minha Vida com "V" MAIÚSCULO,como costumo dizer e escrever, aqui deixo meus pareceres sobre a Vida, minha linda e amada Vida que ganhei de presente. Sim, de presente, viver é mesmo um lindo presente, portanto agradeço imensamente, principalmente aos meus familiares queridos, meu casal de filhos, casados, felizes, meus netos amados, dois lindos casais, hoje estão ficando adolescentes, eu, ah, sou uma sexagenária feliz da vida!!!

domingo, 15 de janeiro de 2017

“É a doença que torna a saúde agradável e boa, o mesmo faz a fome com a saciedade, e o cansaço com o repouso.” Heráclito

Amigos, de novo eu aqui usando frases dos que aprenderam antes de mim, embora seja frase feita, não é uma frase qualquer, é uma frase que nos faz refletir e pensar, adoro pensar sobre tudo o que leio.
Só podemos dar valor aos bons momentos, à felicidade, ao contentamento depois que passamos por fases difíceis, por conhecer a dor, por sentir a dor dos que estão por perto, mesmo os que estão longe, pois com a alta tecnologia, e internet, as relações sociais, mesmo no mundo virtual, nos aproxima,  é que se pode dizer que o outro lado do mundo é bem aqui, do nosso lado.
Depois da cura de uma doença, as pessoas mudam o foco, a mente e até as atitudes, dão mais valor à vida e agradecem a saúde!
O mesmo acontece com tudo o que experimentamos, se passamos algumas horas sem comer e sentimos fome, nem sequer olhamos o que vamos comer para saciá-la, até pão seco vira banquete, imaginem então aos que não conseguem prever quando poderão saciar a fome.
O repouso depois de um dia de trabalho árduo, a sensação de se ter feito o dever, estar na paz, tudo isso nos dá o sentido do que é bem viver!
Não quero tornar longa essa minha prosa, pois com algumas linhas se consegue em poucas palavras sentir o efeito que há em saber dar o devido valor ao que realmente o tem!

Ivone.

sexta-feira, 13 de janeiro de 2017

“O amor imaturo diz: eu te amo porque preciso de ti. O amor maturo diz: eu preciso de ti porque te amo” ― Erich Fromm

Como é bom encontrar frases assim, não gostava de frases feitas, mas essas que encontro assim, aleatoriamente, (ou não?!), pois com meus dons, tudo é guiado, tudo é por inspiração!
Não consigo ficar um dia sequer sem escrever por aqui ou em qualquer caderno ou em comentários que faço nos blogs dos amigos, pois amo ler, escrever, comentar, participar de forma bem discreta, sem muita exposição, sem indiscrição para não arrumar confusão,rsrs!
O amor, ah, eu encontrei o verdadeiro amor em minha Vida, nossa, amo tanto o meu marido e sinto o amor dele por mim, isso me dá a segurança que preciso para me manter leve e feliz, as lutas com amor ficam mais fáceis de serem vencidas, os filhos do amor sempre são muito bons filhos, as almas que se doam sempre sentem muito mais prazeres, prazeres de alma e físico, porque não? Tudo é integração, alma, corpo, amor, paixão, enfim...
A frase acima é tudo de bom, felizes os que dizem um ao outro, "... eu preciso de ti porque te amo" eu digo todos os dias ao meu marido e ele a mim em nossos bons dias, rsrs, (sou eu e ele, os filhos casados, netos estão adolescentes, cada qual em suas lindas e amadas vidas)!
Obrigada Vida, Obrigada, obrigada, obrigada!
Continuo desejando feliz ano novo para todos, recomeços dão alentos, dão esperanças, dão fé!

Ivone

quarta-feira, 11 de janeiro de 2017

O Amor e a Morte tem algo em comum, aparecem quando menos se espera, nos pegam desprevenidos!

Ontem, como eu disse em uma postagem sobre o sociólogo Zigmunt Baumam, que morreu com 91 anos, sendo assim tinha a lucidez incrível até o fim.
Ele deixou legado, pois em seus livros nos mostra como somos inseguros, inconstantes e sem futuro. 
Li faz algum tempo um livro que me prendeu até o fim, sobre o amor, ele mostra as fraquezas e as inseguranças e medos do envolvimento afetivo, o título é sugestivo, "Amor Liquido", estamos em uma época em que tudo é assim, descartável, "liquido"!
Tem uma parte que me deu o que pensar, é sobre a morte e o amor, ambos acontecimentos acontecem uma vez só em nossas vidas, mas ele fala do amor verdadeiro, aquele em que nos doamos e nos dedicamos ao bem estar do ser amado.
Ele diz: " o amor e a morte se parecem, não se pode aprender a amar, tal qual não se pode aprender a morrer.
Chegando o momento o amor e a morte atacarão, mas não se tem a mínima ideia de quando isso acontecerá, quando acontecer vai pegar vocês, desprevenidos". 
Não sei se a morte o pegou desprevenido, ele morreu ontem, estava com 91 anos, acredito que ele estava já preparado, pois quando o tempo passa menos tempo temos e nessa idade é de se esperar bem menos tempo ainda!
Eu não temo a morte, quando penso nela só fico imaginando do que morrerei, tenho uma saúde perfeita, faço exames de rotina anualmente e até meu médico me dá parabéns!
Vamos indo, cada qual com sua vida, eu com a minha que é gratificante sempre!

Ivone

terça-feira, 10 de janeiro de 2017

"Hoje, o medo da exposição foi abafado pela alegria de ser notado." Zygmunt Bauman

Hoje morreu o pensador e sociólogo Zygmund Bauman, ele deixou legado rico, pois seus escritos nos deixam muitas boas reflexões, ele dizia que hoje em dia não há mais futuro, que o imediatismo é que está em voga, isso em todos os sentidos.
A Vida vista pelo ponto de vista dele é tão simples, ele deixou uma linguagem de fácil compreensão, não tinha pretensão nenhuma além de ajudar, de fazer algo de bom para a sociedade, sociólogo que denunciou com lucidez o individualismo e a desigualdade até o fim de seus 91 anos.
A frase acima resume tudo, me identifiquei com ela, pois me sinto muitas vezes um peixe fora d`água, pois não gosto muito de me expor, muitos amigos que leram meus livros, que ainda não publiquei, se eu um dia publicar meus escritos, nem irei usar meu nome, pois pode até ser que eu faça sucesso, não sei, mas não gosto de ser notada, mesmo com o grande prazer que tenho em ler, escrever, principalmente aqui no blog, pois assim eu não me exponho muito e só amigos que me entendem me dão o prazer de trocar ideias comigo. 
Tenho um "faro" incrível em encontrar pérolas como as que esse sociólogo escreveu, meus "amigos espirituais" me dão dicas que para mim são de grande valia para minha vida, por consequência gosto de divulgar por aqui, quem sabe possa interessar aos que se afinam com ideias assim, simples como a própria vida!
Deixa rico legado, com certeza, é só pesquisar e perceber que eu estou dizendo algo bom demais, vale a pena o ler, (já li tantos pensadores, amo isso, saber o que deixaram de bom para a posteridade)!

Ivone

segunda-feira, 9 de janeiro de 2017

ESPIRITUALIDADE, É ISSO, SOMOS ESPIRITUALIDADE!

O tempo passa, tudo já existia antes mesmo de eu nascer, sendo assim, em minha humilde Vida, mas cheia de alegria, reconhecimento por tudo o que tive e ainda terei, pois o que não me falta é entusiasmo.
Para viver bem é preciso ter em mente que a Vida não acaba nunca, desde que nascemos e até quando morremos, nada tem fim, somos e pronto!
O tamanho da Vida é medido pelo que conhecemos de nós mesmos, conhecer a nós mesmos com toda a honestidade possível, pois não acredito que há quem fique a me vigiar, não acredito que entidades ficam a me sondar, para isso tenho o "meu juízo"!
Ver que há em mim algo maior que foge do meu controle, minha espiritualidade, meu ser interior, minha essência que foi criada bem antes dessa "jornada"!
Nada está aí para me fazer sofrer, pois o sofrimento é questão de escolha, o mundo é a humanidade, eu só posso administrar meus problemas que são poucos diante do Todo!
Aproveito o que de bom e pequeno estiver disponível. Há muita beleza contida em pequenas coisas, muitos nem percebem, mas creio na beleza da natureza! Há pessoas querendo compartilhar as coisas boas que acontecem a elas e eu as parabenizo com prazer, com a mesma alegria das coisas boas que acontecem a mim, isso me faz ser feliz pra valer!
Amar é tudo o que nos engrandece, eu amo, amo todos os meus entes queridos, minha casa é paz e alegria! Desejo isso a ti que aqui está dispensando um pouco do seu tempo para me ler, vivam a vida com intensidade, pois viver é o maior prazer!!!
Espiritualidade, é isso, somos espiritualidade!

Ivone

sexta-feira, 6 de janeiro de 2017

"Perder tempo em aprender coisas que não interessam, priva-nos de descobrir coisas interessantes." Carlos Drummond de Andrade

Muitas vezes é assim, vivemos nos cobrando o tempo todo que falta algo, que precisamos saber isso ou aquilo, que temos de rezar, se não o fizermos estaremos na contra mão do que é certo, bom, correto. 
É preciso curtir tudo o que nos aparece na frente por meios sociais, se não o fizermos, ah, estamos sendo anti-sociais. 
Aprender, sempre aprender, mas para que mesmo que se precisa aprender? 
Acho que não preciso mais aprender nada, agora só quero sentir, viver, seguir minha boa intuição, ler tudo o que me agrada, fazer tudo o que alegra meu coração.
Escrever meus sentimentos, minha alma, minha busca pela verdade, nem sei bem o que é a verdade, sendo assim acho que minha alma sempre sabe o que é bom pra mim.
A consciência leve e tranquila, a leveza de estar em paz, na paz, no bem viver, cuidando para nunca fazer ninguém sofrer.
Mas se precisar dizer "não" direi e digo, pois todos os "sim" nos leva a sobrecarregar a nossa alma em contradições!

Ivone

Gaspar, Baltasar e Melchior!

Na tradição da religião, 
a que segue a cristandade, 
tem essa crença mencionada 
no livro de Mateus.
Fala sobre os Três Reis Magos.
Nem se sabe se são só os três, 
mas foram três presentes encontrados,
os que nos dão a dimensão 
simbólica do que seria a Vida do Rei.
Ouro, representa a realeza,
Incenso, representa a fé
e Mirra, resina para embalsamento.
A Vida de Jesus Cristo
em sua trajetória na Terra,
até o triste fim!
Hoje, seis de janeiro é o dia
de comemoração 
aos reis que foram os primeiros
a visitar Jesus em sua manjedoura,
guiados por uma brilhante estrela,
São eles: Gaspar, moço ainda,
Baltasar de meia idade
Melquior, o mais velho,
Simbolicamente é assim,
tudo depende de fé, 
de poder sentir 
a presença de Jesus em nossas vidas!

Ivone





quarta-feira, 4 de janeiro de 2017

Meus ciclos setênios, somente quem presta muita atenção na própria Vida consegue vivenciar muito bem os setênios( Ciclo de Saturno).

Os estudiosos dizem que somos influenciados pelos ciclos astrais, portanto Saturno é um planeta que em sua lentidão ao dar uma volta completa ao redor do Sol leva 29 anos.
Mas ele também marca com força os ciclos menores que são de 7 em 7 anos e assim marcam períodos importantes em nossas vidas.
Nossas vidas mudam de 7 em 7 anos e são comprovados na prática, pois aos 7 anos normalmente estamos indo para a escola, antigamente se começava a estudar com 7 anos, hoje não, as crianças entram nas escolas bem antes disso, é creche, jardim da infância, pré escolar, assim por diante...!
Mas como a natureza não dorme no ponto e tudo é mesmo dentro dos "conformes" nem adianta chorar se algo sai errado, sim, algo pode sair errado, as crianças precisam do tempo certo para ficar sob os cuidados da mãe, aos 7 anos ela está um pouco mais facilitada em entender e aceitar que a mãe não está deixando de se importar com ela e que é preciso se relacionar com outras crianças em uma escola para começar a enfrentar o mundo lá fora.
Aos poucos isso vai acontecendo e a personalidade vai se formando, as crianças são muito sensíveis a tudo, um gesto, um olhar, uma palavra dita sem cuidado e pronto lá se vão anos de cuidados.
Com 14 anos aproximadamente, começam as angústias da adolescência, aos 21 anos entra na maioridade.
Aos 29 anos a pessoa se não se posicionou na vida como pessoa bem sucedida, isso é, tem de ser independente, estar no patamar de tudo o que se propôs a fazer, se não, entra em crise pessoal, é o primeiro ‘retorno de Saturno’.
Os estudiosos comprovam isso e eu estou tentando passar isso de forma simples, pois eu acreditei sempre nisso e fiz tudo para que eu entrasse em "meus ciclos setênios" com a ajuda de pessoas sábias que encontrei em minha vida e me ajudaram.
Casei -me aos 21, aos 22 fui mãe pela primeira vez, nasceu meu filho, aos 27 nasceu minha filha, aí parei nesse casal de filhos, (meu marido estava com 29 anos quando do nascimento de nossa filha) e tudo o mais foram acontecendo dentro dos conformes dos 7 anos, foi meio planejado sim, com estudos para que desse certo e deu, ou melhor, ainda está dando certo, pois minha fé na Vida me leva a ser feliz e sendo feliz espero chegar a pelo menos mais dois ciclos de setênios!
Bons setênios para todos, pois para tudo há que se dar um tempo, quanto mais complexo os sonhos, mais demorados são, mas com certeza se for para o bem, tudo se concretizará!

Ivone.